Sobre mudanças de planos e intercâmbio voluntário

a5252c_d91cfb178e0d4365a4a1ead31066071b

Odeio ficar esse tempão sem escrever aqui no blog, mas sempre fico totalmente sem tempo quando começa o semestre letivo. Bom, mas como tô cheia de novidades, vamos lá!

Eu já falei aqui no blog sobre o intercâmbio que eu vou fazer para a Europa em janeiro de 2015, um mês de inglês em Malta e depois faria um mini mochilão nos países em volta… Até aí tudo bem, mas sem querer conheci a AIESEC num dos quadros de informações da universidade, oferecendo bolsas para intercâmbio voluntário, confesso que num primeiro momento não levei muita fé, e então fiquei com aquilo na cabeça e, assim que cheguei em casa, resolvi pesquisar sobre o que era essa tal de AIESEC. Me inscrevi no site e marquei uma entrevista na sede aqui em Porto Alegre, que fica dentro da UFRGS mesmo, no curso de administração.

E todos os pré conceitos que eu tinha formado sobre a AIESEC desaparecem e tudo ficou claro. A AIESEC é uma ong sem fins lucrativos, que possibilita o desenvolvimento profissional e pessoal de jovens estudantes através de programas de liderança, trabalhos em equipe e intercâmbio. Teve origem após a segunda guerra quando 6 estudantes se reuniram na Bélgica com o objetivo de criar uma nova forma de cooperação; no Brasil teve sua primeira sede instalada em 1970.

Há dois programas oferecidos pela AIESEC: o Cidadão Global e Talentos Globais, para quem já está se formando e quer fazer estágio em outro país.

Eu me inscrevi no Cidadão Global, que é o programa no qual você vai para outro país e trabalha num projeto voluntariamente, e em troca disso ganha uma bagagem cultural enorme, além de experiência, amigos e contato com uma língua totalmente nova e ainda aprimora sua habilidades de liderança e cooperação.

Quando você assina o contrato com a AIESEC existe uma taxa a ser paga, taxa de assistência que você vai receber e toda a ajuda possível para achar uma projeto bem bacana, essa taxa chega a ser baratíssima comparada aos intercâmbios de 1 mês de curso de inglês em qualquer lugar do mundo. Depois que você assina o contrato, você ganha uma senha e um usuário e você é quem vai escolher em qual projeto vai querer se inscrever, tem a plataforma Myaiesec.net onde você pesquisa por vagas. Os países que mais oferecem vagas para projetos voluntários são os do Leste Europeu (Hungria, Romênia, Turquia, Grécia, República Tcheca, e até Itália), América Látina (Colômbia, Argentina, Peru, Chile e Bolívia) e Ásia (Índia, China, Japão, Thailandia e outros).

Quando você ”apply” em algum projeto em seguida os colaboradores entram em contato e agendam uma entrevista pelo Skype para ver se você é a pessoa certa para a vaga, há projetos em várias áreas: educação, cultura, saúde, meio ambiente, gestão, e os projetos tem duração mínima de 6 semanas, podendo ser estendidos até 12 semanas. Qualquer estudante entre 18 e 30 anos, estudante de gradução, pós graduação ou formado em até 2 anos, com inglês ou espanhol básico pode participar!

Eu fiquei tão animada de conhecer a AIESEC que assinei o contrato imediatamente e num primeiro momento até pensei em trancar a faculdade por 1 semestre e emendar Malta com o projeto voluntário, e então, entre essa indecisões sobre trancar não trancar a faculdade, resolvi transferir o intercâmbio de Malta para as férias de Julho de 2015, e nesse verão vou para algum lugar passar 6 semanas como uma voluntária da AIESEC. 😀

Vou escrever todos os passos e experiência aqui no blog e prometo não ficar mais tanto tempo longe.

Beijão e boa semana ❤

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s